ESQUADRILHA DA FUMAÇA EM CRATEÚS - CE ! UM SHOW NOS CÉUS

Ir em baixo

ESQUADRILHA DA FUMAÇA EM CRATEÚS - CE ! UM SHOW NOS CÉUS

Mensagem por cineas em Qua 2 Nov - 8:39:57

ESQUADRILHA DA FUMAÇA EM CRATEÚS - CE ! UM SHOW NOS CÉUS














CONVITE: APRESENTAÇÃO DA ESQUADRILHA DA FUMAÇA EM CRATEÚS - 1 nov, 2011 15:58





O Prefeito de Crateús Carlos Felipe Saraiva Beserra, tem a honra de convidar a todos para a apresentação do maior Esquadrão acrobático do mundo: A Esquadrilha da Fumaça. O município de Crateús será o primeiro do interior do estado a receber a apresentação.

O evento acontece no dia 4 de novembro no 40 batalhão de infantaria e tem inicio ás 15:00 com a apresentação de Edilson Vieira e Banda; ás 16:00hs impreterivelmente a Esquadrilha da Fumaça começa sua apresentação.

Criada oficialmente em 1952, a Esquadrilha da Fumaça é o Esquadrão de Demonstração Aérea da Força Aérea Brasileira (FAB), responsável pela divulgação da FAB em território nacional e internacional.

Composta por 13 pilotos altamente treinados e capacitados, a Esquadrilha da Fumaça opera com a aeronave T-27 Tucano, projetada e fabricada pela Empresa Brasileira de Aeronáutica (Embraer), e realiza, em média, 100 demonstrações ao ano. Em cada uma delas, o público pode acompanhar uma série de 55 acrobacias de alta performance que incluem o voo de dorso, especialidade da equipe fumaceira. Em 2006, a Fumaça alcançou o recorde voando com 12 aeronaves em formação de voo de dorso.

Apelidados pelos aviadores de Anjos da Guarda, a Esquadrilha conta com uma equipe de graduados especialistas, responsáveis pela manutenção dos Tucanos. Esses profissionais garantem a segurança, a eficiência e a disponibilidade das aeronaves.

Com mais de 3400 demonstrações realizadas no Brasil e no exterior, a Fumaça representa a oportunidade para milhares de pessoas travarem contato, de maneira emocionante e inesquecível, com a Força Aérea Brasileira, passando a respeitá-la e admirá-la pela capacidade dos profissionais que a representam.

Reconhecida mundialmente, a equipe representa o Brasil nos principais eventos aeronáuticos, tendo demonstrado em diversos países: Alemanha, Argentina, Bolívia, Canadá, Chile, Colômbia, Egito, Equador, Estados Unidos, França, Guatemala, Guiana, Honduras, Inglaterra, Panamá, Paraguai, Peru, Portugal, República Dominicana, Suriname, Uruguai e Venezuela.

LOCAL: 40 BI-CRATEÚS

HORÁRIO: 15:30







Participação do cineastv.com na grande festa áerea de 2010 em Crateús :



http://cineastv.forumeiros.com/t955-i-festival-aereo-de-crateus



visite:








APOIO :

























avatar
cineas
Admin

Mensagens : 1633
Data de inscrição : 15/04/2009
Idade : 51

Ver perfil do usuário http://cineastv.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Um Dia maravilhoso Fumaça Já !!!!!!!!!!!!!!!!!!

Mensagem por cineas em Sab 5 Nov - 18:04:55

Um Dia maravilhoso Fumaça Já !!!!!!!!!!!!!!!!!!



avatar
cineas
Admin

Mensagens : 1633
Data de inscrição : 15/04/2009
Idade : 51

Ver perfil do usuário http://cineastv.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ESQUADRILHA DA FUMAÇA EM CRATEÚS - CE ! UM SHOW NOS CÉUS

Mensagem por cineas em Sab 5 Nov - 18:25:18

Desde que foi anunciado oficialmente o Festival de Sanfona de Crateús, a mídia de todo o estado do Ceará tem concedido ampla divulgação ao evento.

Confira.



fundação de crateús

Centenário com sanfoneiros


Publicado em 8 de outubro de 2011


Ampla programação cultural marcará as festividades dos 100 anos de fundação do Município de Crateús

Crateús. Faltando apenas 38 dias para o seu centenário, data oficial no dia 15 de novembro, este Município vive momentos de expectativa e grande movimentação. Hoje, a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo lança a programação oficial do Centenário, cujo carro chefe é o evento “Sanfona, Música do Mundo – I Encontro Nacional da Sanfona dos Sertões de Crateús”. A partir das 18h, no Teatro Rosa Moraes, acontece o lançamento oficial dos Festejos do Centenário de Crateús.

A tradicional “Ave Maria Sertaneja” será executada pelo sanfoneiro Cafuné do Mucambo. O prefeito, Carlos Felipe, e o secretário de Cultura, Francisco Aldo, falarão sobre as festividades do centenário, marcadas pela realização do I Encontro Nacional da Sanfona, “Sanfona, Música do Mundo”, e do II Festival Aéreo, com a apresentação da esquadrilha da fumaça. Na ocasião, também será apresentada toda a programação prevista para o mês de novembro, na continuação das festividades.

“Além de comemorar o Centenário de Crateús, o Encontro Nacional da Sanfona pretende firmar o Município na agenda cultural do Estado e do País, resgatando a atividade musical desse belo instrumento, que é a sanfona”, pontua o secretário adjunto municipal de Cultura, Avelar Macedo.

Contagem regressiva

Às 18h30, a programação cultural completa e toda a estrutura de apoio do evento, que pretende atrair participantes de Fortaleza, do Piauí e de toda a região dos Inhamuns, serão apresentadas pelo promotor cultural Fernando Elpídio, idealizador do Encontro Nacional da Sanfona. E, marcando a contagem regressiva para o grande evento, os sanfoneiros crateuenses Edilson Vieira e Bento Raimundo apresentarão músicas compostas especialmente para as festividades do Centenário. Fechando as atividades do dia, acontece a 7ª edição do Projeto Arte na Praça, o maior mix cultural da região, promovido pela Prefeitura de Crateús, que vem contando com grande presença de público e enriquecendo o calendário cultural da região dos sertões de Crateús e Inhamuns.

O evento “Sanfona, Música do Mundo” será um grande encontro de músicos, ouvintes e admiradores de um dos mais belos, populares e complexos instrumentos musicais. De 12 a 15 de novembro, este Município cearense de marcantes referenciais históricos abrirá espaço para grandes nomes da música do Ceará e do Brasil, valorizando a tradição, a cultura e a arte e estimulando o turismo regional. Contará com apresentações musicais, oficinas e palestras, sempre visando à promoção de novos talentos.

Astros

Além disso, consagrados instrumentistas locais, estaduais e nacionais realizarão shows no evento, que marca a comemoração do Centenário do Município. Estão previstos, segundo a Secretaria, as presenças de Elba Ramalho, Ítalo e Renno, Renato Borghetti, Waldonys, As Bastianas, Orquestra Sanfônica do Ceará e Kbra da Peste.

Dentro das atrações locais se destacam os sanfoneiros Bento Raimundo e Edílson Vieira, crateuenses apaixonados pela sanfona desde a juventude. Músicos conhecidos na região e em outros Estados do País farão apresentações e funcionarão como uma espécie de “anfitriões” das atrações nacionais. Esperam que o Encontro marque a história cultural da cidade e dos artistas. “É um momento ímpar para a cidade, região e para nós, artistas, que há tantos anos estamos na luta para viver da música e conservar este instrumento maravilhoso, que é a sanfona”, afirma Edilson Vieira.

Para ele, que se prepara para gravar o segundo CD no início de 2012, o Encontro será favorável para os artistas. “É uma oportunidade de mostrarmos o nosso trabalho para o País, será como uma vitrine”, diz o sanfoneiro que tem mais de 50 músicas e já fez turnê em grandes centros, como São Paulo, Rio de Janeiro e Roraima. Orgulha-se de nunca ter saído da sua terra natal, sustentar a família com as suas apresentações e shows. Um de seus maiores sucessos é a música “Crateús é meu lugar”.

Bento Raimundo afirma que o evento resgata uma vocação do Município. “Crateús é um celeiro de sanfoneiros, tínhamos grandes festivais aqui há algumas décadas e ao longo do tempo não ocorreram mais, então esse Encontro resgatará e dará oportunidade aos artistas”, analisa. Ele, inclusive, será o professor da Escola de Formação de Sanfoneiros, que começará a funcionar ainda neste mês com o objetivo de descobrir e formar jovens sanfoneiros.

Escolas públicas

A programação comemorativa inicia no dia primeiro de novembro, por meio de apresentações artísticas e culturais com a participação de estudantes da rede municipal e jovens assistidos pelos projetos sociais, mobilizados pela “Caravana do Selo Unicef”.

Daí em diante serão realizadas inúmeras atividades festivas e culturais, até o dia 15 de novembro, data oficial do Centenário, quando a cidade acordará em festa, para atrair grande parte da população.



Elevação

1911 Foi o ano de elevação da vila à cidade de Crateús, no dia 14 de agosto, por meio do decreto, fato ocorrido no dia 14 de agosto e oficializado em 15 de novembro do mesmo ano

MAIS INFORMAÇÕES
Secretaria de Cultura e Turismo
de Crateús/Prefeitura Municipal – (88) 3691.0249
Nova Letra – (85) 9987.7599

HISTÓRIA
Cidade cresceu no entorno da Igreja

Escritores de Crateús são autores de livros históricos com as principais datas comemorativas

Crateús. “Como em qualquer cidade, aqui não é diferente. Para se dizer alguma coisa sobre Crateús de ontem, temos a obrigação de mencionar e reverenciar a Igreja Matriz, que faz parte diretamente da história desta terra. Templo que por milhões de vezes acolheu seus fiéis paroquianos desde os idos pré-históricos da cidade, quando já em 1769 existia como capela. Depois, em 1832, transformada em Matriz da Paróquia Senhor do Bonfim e Catedral desde 1964″, destaca o escritor Flávio Machado e Silva, no livro “Crateús, Lembranças que aquecem o coração”.

A história registra que o fato inusitado que marca o surgimento deste Município ocorreu em 1792, quando a imagem de Senhor do Bonfim foi trazida por escravos. “Fontes não escritas falam que a imagem do Senhor do Bonfim veio em costas de escravos, dentro de uma rede, de Salvador (BA) a Crateús, sob os cuidados de Luiza Coelho da Rocha Passos. A imagem foi esculpida em cedro, por artista europeu”, relata o livreto Guia Paroquial, de 2009.

Antes, porém, desse episódio singular que marca a chegada da imagem de Senhor do Bonfim, cuja devoção já havia iniciado na Bahia em 1745, a Fazenda Piranhas já era realidade.

De acordo com o livro História de Crateús, de Maria Ivane Sales, Aurineide Martins e Sônia Maria Sales, foi em torno da pequena capela, hoje Catedral, construída em taipa às margens do Rio Poti, na Fazenda Piranhas, em 1769, que nasceu o povoado, que depois se chamaria Crateús.

Anteriormente, ainda na Fazenda Piranhas, registros históricos contam a chegada do precursor Domingos Jorge Velho, iniciando o povoamento. “A tribo dos índios karetiús aqui vivia, até que chega Domingos Jorge Velho, bandeirante paulista que procurava lugares onde moravam os índios para fundar e povoar com pessoas que andavam com ele”, conta o livro História de Crateús. A obra relata ainda que “passados muitos anos, em 1721, quando os índios já não viviam mais aqui, as terras foram arrematadas por Dom Ávila Pereira”.

A Fazenda Piranhas cresceu e, posteriormente, em 6 de julho de 1832, tornou-se a Vila Príncipe Imperial. A Vila chegou a pertencer ao Piauí e no ano de 1880, este foi anexado ao território do Ceará, como resultado da solução encontrada para o litígio territorial entre os dois Estados. O Ceará reconheceu a jurisdição do Piauí sobre o Município de Amarração (atual Luís Correia) e em troca o Piauí ofereceu dois importantes Municípios piauenses: Independência e Príncipe Imperial.

“Pela lei nº 3.020 de 22/10/1880, as terras que hoje formam o nosso Município e que, até aquela data pertenciam ao Piauí, passaram a fazer parte do Ceará, trocadas que foram pelas terras onde se situa o antigo Porto de Amarração”, registra páginas do livro “História de Crateús”.

Por meio do decreto, a vila foi elevada a cidade, fato ocorrido em 14 de agosto de 1911 e oficializado em 15 de novembro do mesmo ano. Nessa época, foi escolhido o nome Crateús. De origem indígena, na linguagem dos tupis é assim definido: cará, que quer dizer batata e teú, lagarto. Na linguagem dos índios tapuios, kraté quer dizer lugar seco ou lugar muito seco.

Com a elevação a cidade e a proximidade com o Estado do Piauí, o desenvolvimento foi chegando. O grande marco dessa época foi o estabelecimento de um novo tipo de transporte, o ferroviário.

Chegada do trem

Além da vocação agropecuária, que desde os primórdios do Município é decisiva na propulsão da economia, a chegada do trem é destacada como fator definidor de progresso, movimentação financeira e gerador de negócios com pessoas de outros centros. Crateús atraiu olhares do Estado.

“Graças à exportação de gado, boa produção e a ligação ferroviária que nos alcançou em 1912, nossa terra tornou-se alvo de admiração e do interesse das pessoas de diversas localidades do nosso Estado, notadamente dos Municípios de Sobral, Ipu, Independência e Tamboril, e de Estados vizinhos”, conta o historiador Norberto Ferreira Filho, em destaque no livro “Coletânea”.

Silvania Claudino
Repórter




Diário do Nordeste

aniversário

aniversário

Lançada programação dos 100 anos de Crateús


Publicado em 10 de outubro de 2011

Diversas atrações foram escolhidas para festejar o centenário de Crateús, inclusive, Encontro de Sanfona



Crateús. Show Aéreo com a Esquadrilha da Fumaça, Céu de Crateús, Escola de Sanfoneiros, Bate Papo Musical, Literatura, Pôr do Som, Olhar sobre Crateús, Palco Centenário e Crateús Musical. Estas serão as atrações do Centenário de Crateús, no período de 4 a 15 de novembro, conforme a programação oficial lançada neste dia 8 pela Prefeitura de Crateús, em solenidade no Teatro Rosa Moraes, neste Município. Dentro desses temas estão inseridos apresentação da Esquadrilha da Fumaça, Exposição Fotográfica, Lançamento de livros e Encontro Nacional da Sanfona.

“Essa programação foi construída pelo poder público municipal e sociedade. Não é somente uma festa, é uma forma de construir o futuro. Além das várias atrações, focamos as comemorações em torno do Festival da Sanfona. Queremos marcar o centenário com esse Encontro Nacional, que se tornará parte do calendário cultural nacional”, ressaltou o prefeito Carlos Felipe Bezerra.

Para ele, ao investir e chamar a atenção do País para a beleza e importância da sanfona, resgata uma vocação do Município. “O nosso objetivo é fortalecer a cultura da nossa terra, que tem grandes sanfoneiros e favorecer o turismo cultural na região”. Para garantir a continuidade do evento, será criada a Escola de Formação de Sanfoneiros na cidade. O prefeito cita ainda que em função do “Encontro Nacional da Sanfona, Música do Mundo” e do restante da programação muitos contatos já foram feitos com a Secretaria Municipal de Cultura e hotéis. “Antevemos o sucesso da festa. Já fui informado que os hotéis locais já estão com muitas reservas para o período e iremos partir agora para articular as pousadas domiciliares”, comemora.

Shows

Segundo o produtor cultural Fernando Elpídio, que organiza o Encontro, durante os três dias de evento, de 12 a 15 de novembro, serão 34 horas de show, com músicos da região e de outros estados, num intercâmbio cultural inédito.

“A sanfona é um instrumento característico da região e utilizado em todo o mundo. Juntaremos aqui em torno dela músicos locais, estaduais e nacionais. Quebraremos o paradigma de que sanfona significa somente forró”. O produtor criou o Festival Mel, Chorinho e Cachaça, em Viçosa do Ceará.

Silvania Claudino
Repórter




http://g1.globo.com/videos/ceara/v/crateus-comemora-cem-anos-de-emancipacao-politica/1654913/#/Bom


JORNAL OPOVO




Centenário com festival de sanfona e esquadrilha da fumaça




O centenário de Crateús será comemorado com festival de sanfona, esquadrilha da fumaça e shows musicais. Elba Ramalho, Renato Borguetti e Waldonys são algumas das atrações confirmadas. Durante as comemorações, serão criados cursos de formação de sanfoneiros e de aeromodelismo na região

Crateús vai comemorar o centenário ao som da sanfona e com show aéreo. Em novembro, o município cearense vai sediar o Festival Nacional da Sanfona e receber a esquadrilha da fumaça. Há expectativa também pela criação dos cursos de formação de sanfoneiros e de aeromodelismo na região.

A programação começa no dia 4 de novembro e se estende até o dia 15, data do aniversário da cidade. Elba Ramalho, Renato Borguetti e Waldonys são algumas das atrações já confirmadas para a festa. Pela primeira vez, um município cearense, fora da Região Metropolitana, recebe o grupo da esquadrilha da fumaça.

De acordo com o prefeito de Crateús, Carlos Felipe Saraiva Bezerra, os eventos devem marcar o município como um polo de sanfoneiros e aeromodelismo no Estado. “Queremos aproveitar o centenário para marcar Crateús na valorização da cultura popular nordestina”, explica. A inauguração da escola de sanfonas será oficializada no dia 12 de novembro.

Cerca de oito sanfonas já foram compradas. As aulas devem ocorrer temporariamente na Casa de Cultura João Batista e serão ministradas por sanfoneiros da região e convidados. “O número de alunos vai depender do interesse da população. As aulas serão gratuitas”, destaca.

Outro curso que deve movimentar a cidade é de aeromodelismo. “A ideia surgiu com o interesse da população em fazer curso de piloto. Vamos fazer uma parceria com empresas privadas”, detalha o prefeito.

História



Crateús foi municipalizado em 15 de novembro de 1911. Antes, a região era uma aldeia indígena da tribo Karatis. Com a chegada do bandeirante paulista Domingos Jorge Velho, o povoado passou a ser conhecido como Piranhas – em referência a grande quantidade dessa espécie de peixe na região. Depois, se transformou na Vila Príncipe Moura Imperial.



O município cearense se destaca também na história por ter sido passagem de confronto com a Coluna Prestes e ter tido Dom Fragoso como primeiro bispo. “Várias moradores tem nomes de ex-combatentes da Coluna Prestes e fazem com que a história não seja esquecida”, acrescenta o prefeito. Uma coluna, desenhada pelo arquiteto Oscar Niemayer, marca o confronto na praça Dom Fragoso.



ENTENDA A NOTÍCIA

O município de Crateús vai realizar uma vasta programação para comemorar o centenário. Festival Nacional de Sanfonas, com a presença de artistas locais e nacionais, show aéreo com esquadrilha da fumaça e criação de escolas de formação para sanfoneiros e pilotos vão ocorrer entre os dias 4 e 15 de novembro.



SERVIÇO


Show aéreo, com apresentação da esquadrilha da fumaça, paraquedistas e ultra-leves.

Data: 4, 5 e 6/11, a partir das 16 horas, no 40° Batalhão da Infantaria, em Crateús.

Festival Nacional da Sanfona, com Elba Ramalho, Waldonnys, Renato Borguetti, Ítalo e Renno, Dorgival Dantas e Orquestra Sanfônica.

Data: de 12 até 15/11, a partir das 20h, na praça da Matriz.



Viviane Gonçalves
vivi@opovo.com.br



PORTAL CEARÁ AGORA

Centenário de Crateús terá Encontro Nacional de Sanfona e Esquadrilha da Fumaça


Por: Luciano Augusto

A Secretaria de Cultura de Crateús apresentou neste sábado (9) todos os preparativos para a festa de centenário de fundação do município. Entre as atrações confirmadas está o I Santona, Música do Mundo – Encontro Nacional de Sanfona.

O evento acontecerá de 12 a 15 de novembro, e de acordo com Secretaria de Cultura, abrirá espaço para grandes nomes da música do Ceará e do Brasil, valorizando a tradição, a cultura e a arte e estimulando o turismo regional.

Uma das prinicipais atrações da comemoração será o Festival Aéreo, com a equipe da Esquadrilha da Fumaça, esquadrão de demonstração da Força Aérea Brasileiral.
avatar
cineas
Admin

Mensagens : 1633
Data de inscrição : 15/04/2009
Idade : 51

Ver perfil do usuário http://cineastv.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ESQUADRILHA DA FUMAÇA EM CRATEÚS - CE ! UM SHOW NOS CÉUS

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum